Em entrevista realizada com o Welt Online sobre A Saga Crepúsculo: Amanhecer, Robert comenta sobre o assédio dos fãs, como foi para ele interpretar Edward Cullen e ser um dos protagonista do filme. Confiram abaixo traduzida por nossa equipe!

Welt Kompakt: Há três anos atrás, a mania de “Crepúsculo” começou. Houve momentos em que você ofereceu resistência?
Robert Pattinson: Sim, no começo quando eu tive que comparecer a uma consultoria de mídia para entrevistas. Os produtores dos filmes ficavam muito irritados comigo. Porque o treinador disse: ‘Rob estraga tudo.’ Eu provocava todos eles. Lá você deve praticar como resumir o conteúdo de seu filme em dez segundos. E não importa o que você diz, a coisa principal, é curta. Ou também quando tivemos entrevistas simuladas, onde o cara me disse: “Olá Rob, eu sou James da CNN…” Eu só ri: “Mas você não é da CNN, James!” Eu pensei: “Se eu interpretar um vampiro, eu posso fazer o que eu quiser.”

Welt Kompakt: E como você descobriu a diferença entre aqueles que ganham a sua confiança, e aqueles a quem você dá um gelo?
Robert Pattinson:
Se eu dar a alguém o meu número, e a pessoa não ligar de volta. Então eu posso confiar. E quem está me chamando no dia seguinte, eu não quero mais falar! (Explode em risos).  Leia mais…