A revista VEJA publicou um artigo colocando em cheque a relação de Robert Pattinson e Kristen Stewart, que sempre foi vista com desconfiança pelo público em geral, indagando ser amor ou marketing. Durante toda a dissertação, a revista ainda critica a história da Saga Crepúsculo, dizendo ser morna. Qual a opinião de vocês a respeito? Não deixem de comentar.

Mais recentemente, dando mostras da cumplicidade que tem com Kristen, ele contou que a namorada não gostou quando ele disse numa entrevista que o noivo, no altar, é apenas um figurante. “O dia é da noiva. Quando filmei as cenas de Amanhecer, isso ficou bem claro”, contou ao site americano The Hollywood Reporter, aproveitando para divulgar o filme.

Por que fingir um namoro? As respostas a essa pergunta são simples, embora não provem nada. Crepúsculo, saga que até aqui rendeu um faturamento de 1,8 bilhão de dólares ao Summit Entertainment, fez do músico desempregado Robert Pattinson o segundo ator britânico mais bem pago. Seu cachê em Amanhecer – Parte 1 é de 12 milhões de dólares, de acordo com o jornal The Guardian. O valor seria o mesmo recebido por Taylor Lautner, o lobisomem Jacob da saga, e por Kristen Stewart. Um preço justo para se interpretar um segundo papel. Ainda mais quando ele é tão parecido com o primeiro, aquele das telas. E dá tão pouco trabalho. Continue lendo …