O ator Patrick Brennan, que interpreta o Liam do Clã Irlandês em Amanhecer – Parte 2, menciona Robert Pattinson em entrevista para o fansite Letters to Twilight, dizendo que o ator o recebeu de forma acolhedora no set de gravação do último filme da saga Crepúsculo. Leia a seguir a tradução:

Quando você se juntou ao elenco, com quem você estava mais animado para trabalhar?
Bom, eu tenho uma cena com os personagens principais. Eu estava ansioso para conhecer eles três (Robert, Kristen e Taylor) e eles foram tão acolhedores comigo e agiram com tanta naturalidade. Eu não sabia o que esperar deles, mas eu não esperava por isso. Achei eles pessoas realmente incríveis, engraçados e legais. E então quando eu estava prestes a gravar a minha cena com o Taylor, eu estava tremendo um pouco e pensei “uau isso é muito estranho. Eu estou aqui frente a frente com essas estrelas de Crepúsculo.” Levei algum tempo para me acostumar e conseguir gravar as cenas. Eu estava nervoso. E Michael Sheen, eu sempre o admirei como ator. Eu não trabalhei muito com ele no filme, mas eu fiz questão de conhecê-lo um pouco mais no set. Eu sempre admirei o seu trabalho como ator.

Como foi entrar em uma franquia tão estabelecida. Você se sentiu como o “novato”? Como foi quando você se juntou à eles?
Bem, eu estava nervoso, muito nervoso. Com Bill Condon e pessoas como o Robert e todos os outros, mas eles fizeram questão de me manter bem à vontade. E eu achei eles tão normais. Eu estava esperando que talvez por eles serem estrelas de cinema, eles fossem um pouco esnobes, mas eles não são. Eu sabia que era uma franquia de sucesso, mas uma vez que você vai para as convenções e vê o quão grande ele é, se torna algo muito legal.

Fonte | Tradução: Ana Paula Oliveira