O diretor de Hold on to Me, James Marsh, comenta em recente entrevista sobre sua expectativa de ver Robert Pattinson em seu filme e como o acha interessante na hora de escolher seus futuros trabalhos no cinema e que espera que o início dos trabalhos com o longa, seja no começo de 2013. Leia a seguir a tradução:

[…] Então se Marsh planeja filmar essas mini séries, sem título oficial ainda, no próximo verão, onde fica Hold on to Me, seu projeto com Rob Pattinson e Carey Mulligan?
“Vai bem” Marsh nos reafirma. “Penso em começar a filmar no início de 2013, se nossos fundos forem seguros.” Frequentemente comparado ao ‘To Die For’ de Gus Van Sant, por seu passo (a rainha do concurso de beleza sequestra e enterra um homem vivo, por dinheiro), Marsh diz que acha a comparação apropriada, apesar de “Boogie Nights” também será modelo para Hold on to Me. “É um dos meus filmes favoritos porque vai de sombrio para humorado em um segundo. Hold on To Me será uma comédia sombria. Meus documentários tem humor – pelo menos eu espero – enquanto minhas ficções são mais leves. Esse vai ser mais ousado.” Uma composição que pode mudar a carreira de Marsh , já que é estrelado por Robert Pattinson. “Robert é interessante. Ele sabe onde quer ir e quer trabalhar em projetos que possam ajudá-lo a se moldar, como Cosmópolis. Ele usa sua fama e energia para ajudar pessoas, como eu, a fazer filmes interessantes. Ele tem muito potencial. Quando nos conhecemos eu adorei sua atitude para o gênero do cinema. Ele gostou do roteiro e conversou comigo sobre isso de uma maneira inteligente. Ele vai ser uma boa posse para Hold on to Me, e espero que com ele no elenco, passamos levar várias adolescentes para o cinema para corrompê-las.” (risadas).

Finalmente, Marsh nos relevou o nome do ator que ele cobiça para completar o elenco: “Eu gostaria de contratar o ator de “Showgirls”, Adam Driver. Ele é um ator incrível, não muito conhecido. Isso acabaria formando um ótimo triângulo com Robert e Carey.”

Fonte | Via | Tradução: Luma Bloris