Verdadeiro Edward Cullen existiu e está morto!

Graças ao facebook Twilight News da Espanha, temos a foto do túmulo de um homem chamado Edward Cullen, que faleceu em 6 de Junho de 1905. Como sabemos, Edward Cullen foi o nome que Stephenie Meyer escolheu para o vampiro de Crepúsculo, que é interpretado por Robert Pattinson… Mas será que ela sabia que este homem realmente existiu ou foi mera coincidência? Sinistro não?

A Clevver TV, trouxe uma nova reportagem sobre Robert Pattinson estar no Canadá para as refilmagens de Eclipse.

20 comentários em “Verdadeiro Edward Cullen existiu e está morto!

  1. pwoo nossa isso e mentira tipo assim colocaram isso dai para os burros cairem e em primeiro lugar nao estou dizendo que vampiros nao existem estou dizendo que o edward nao existe segundo se isso fosse verdade por que daria medo iria ser uma grande conhecidencia e terceiro isso nao e verdade

  2. TEEENSO! AUHSAHSAUS sempre soube que o edward tinha existido KKKK n

    agora bateu a curiosidade de ver um foto ou sei la desse edward cullen ,se ele fosse parecido com o que a tia Stephanie conta .. eu ia ficar bem bolada KKKKKKKKK ._.

  3. NOSSA! Edward Cullen, na espanha, no tempo que ocorreu o surto de gripe espanhola, que sinistro!

    Tipo eu tava lendo uns negocios sobre a Stephenie, ela sonho e tal, mais os personagens nao tinham nomes! e agora? sera só conhecidencia

  4. Putz, se for mentira que feio tia Stephenie, mas vai saber néh. Agora fiquei curiosa, gente será que ele morreu de gripe espanhola??? hauauau. Se for ai sim é sinistr… kkkkkk

  5. aiiii… tow com medo !
    axo q ela naum sabia… pq vey o cara la da Espanha, mas sei la ! Agora se ela sabia aquela história de q ela teve um sonho foi mentira…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Posts Relacionados

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.

De volta ao topo