Em recente entrevista para divulgação do seu novo filme “Life” no Festival de Berlim, Robert Pattinson falou que está em busca de novos desafios em sua carreira, mas não descarta a possibilidade de trabalhar com algo similar a seus trabalhos anteriores se algo bacana surgir!

Os filmes da Saga Crepúsculo fizeram dele um ídolo para milhares de fãs. Mas em “Life”, o qual está sendo exibido no Festival de Filmes de Berlim, Robert Pattinson quer deixar claro que ele também é um excelente ator.

“Eu quero fazer coisas que me desafiem e que eu ainda não tenha feito”. Ele disse, mas completou: “Mas se algo bom surgir, que seja parecido com algo que eu já tenha feito antes, eu com certeza vou aceitar.”

“Life” dirigido por Anton Corbinjn, que tem data de lançamento sueco neste próximo outono, fala sobre a amizade de James Dean e o fotógrafo Dennis Stock.

Ele é quem tirou as clássicas fotos de Dean com o cigarro em sua boca falando com o Times Square em Nova York. James Dean é interpretado por Dane DeHaan, e Pattinson interpreta Stock.

“Claro que eu vi as fotos que ele tirou, mas eu não sabia quem ele era. Anton me deu uma fita com entrevistas com ele (Stock), onde Stock foi extremamente rude com o entrevistador. Ele estava obviamente carregando muita bagagem.”

Para muitos atores há sempre esse sentimento de extremo nervosismo quando retratam uma pessoa real (Stock faleceu à alguns anos atrás). Pattinson disse que ele ocasionalmente sente que “um papel é apenas um papel”.

“Mas então, quando conheci o filho de Dennis e ele me fez ter mais consciência de que eu precisava fazer justiça à como seu pai foi na vida real.”

Para interpretar um fotógrafo ativo, demanda que o ator seja capaz de lidar com uma câmera própria. Pattinson praticou por meses antes das gravações começarem.

“Como um fotógrafo, a câmera supostamente tem que fazer parte do seu corpo, ele também a usa para se se esconder enquanto tira as fotos. Eu pratiquei com a Leica (marca de câmeras fotográficas), eu a usei no filme, mas isso me deixou nervoso. Era extremamente cara.”

O papel do vampiro Edward Cullen nos filmes de Crepúsculo fez de Robert Pattinson uma celebridade mundial e ele tem muitos fãs leais, mas algumas vezes intrusivos.

“Contudo tem se tornado um pouco melhor nos últimos anos. Ou talvez tenha sido eu que tenha me tornado melhor em lidar com isso”, ele disse.

Ele não está fácil de reconhecer, devido seu próximo papel no drama recentemente finalizado “Childhood Of a Leader”, que fez com que ele deixasse a barba toda crescer. De qualquer forma, isso não ajudou em um voo recente.

“Teve esse time de jogadoras de hockey de Danish e todas elas eram adolescentes. Elas me reconheceram imediatamente”. Ele disse, e completou sorridente: “Um time inteiro de hockey de Danish. Oh, meu deus!”

Fonte | Via | Tradução: Gabriela Araujo

Diz pra gente o que você achou!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.