Little Ashes entre os 10 momentos gays do cinema

Confira abaixo bonecos de papel de Crepúsculo, dos personagens Edward Cullen (Robert Pattinson) e Bella Swan (Kristen Stewart). Esse bonecos de papel são integrantes de um livro chamado “Vampire Paper Dolls” que pode ser comprado aqui:

E Little Ashes (2009), filme no qual Robert Pattinson interpreta Salvador Dalí, entrou numa lista dos dez momentos gays do cinema. Robert inclusive já foi criticado pela mídia e pelo público homossexual por um comentário que fez sobre como se sentiu desconfortável ao filmar as cenas de sexo gay. Confira a nota sobre o filme:

Robert Pattinson estrela nesse drama britânico/espanhol como Salvador Dalí antigamente na universidade de Madrid. No filme, o Dali de Pattinson e Federico García Lorca (Javier Beltran) se tornam próximos conforme passam muito tempo juntos, formando o epicentro da boemia de Madrid. A cena que marca o culme da intenção relação e a mudança, condenando seu relacionamento de forma apaixonada.

Tradução: Desirée

8 comentários em “Little Ashes entre os 10 momentos gays do cinema

  1. ah e eu amooo LITTLE ASHES, depois desse filme, que eu tive certeza que o rob seria um grande ator.

  2. o estranho seria se ele n tivesse se sentido DESCONFORTAVEL, já chmam o coitado de gay, só pq sai com os amigos HOMENS, as proprias fãs por sinal, imagina se ele tivesse achado o maximo fazer esse tipo de cena??..n tenho preconceito, mais as pessoas são muito idiotas as vezes, fazem drama e polemica por tudo.affff

  3. AMO o Rob de Dalí, o jeitinho inquieto e dps ele se transforma em um homem, mas a melhor parte é o começo do filme e dps de Paris!

    Robert disse q foi estranho, e ainda mais, beijar um homem no 1° dia de filmagens deve ser bem complicado!

  4. nada demais, apenas foi sincero…deve ser esquisito mesmo fazer esse tipo de cena.

  5. Anita Santos,

    Não HÁ críticas, houve na época em que ele disse isso, é um fato.
    Mas o Robert sempre fala de um modo irônico, e às vezes causa polêmica… Como todos sabem. Nada demais.

  6. Olá! Não percebo as críticas negativas negativas, nem dos media nem da comunidade homosexual, afinal de contas o Robert Pattinson está a ser sincero, o que é de louvar!

    Deve ser mesmo desconfortável fazer este tipo de trabalho, 1º porque ele é novinho e foi a 1ª vez que aceitou um papel deste tipo, depois porque até mesmo para os homosexuais a 1ª experiência deve ser estranha e o Robert passou isso e muito bem no filme.

    Eu adorei o filme! Adorei porque Salvador Dali é um dos meus pintores preferidos, adorei todo o elenco do filme e o RPattinson esteve muito bem no seu papel… muito Dali mesmo!

    AS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Posts Relacionados

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.

De volta ao topo