Em entrevista para a The Guardian, FKA Twigs fala sobre Robert. Confira trechos em que ela o menciona logo abaixo:

 

pattinsonlife (4)Isso pode ser um assunto em sua mente, porque ela está lutando, de tarde, com um bastante grande colisão entre os mundos do nicho e do mainstream. Quando seu relacionamento com Robert Pattinson se tornou público, um par de meses atrás, narcotisado seu perfil público – um perfil que tinham até então sido muito sutil e silencioso e sob o controle direto de Twigs. Pattinson mantém um monte de fãs maníacas de seus dias como um ídolo para jovens adultos na franquia de filmes Crepúsculo. Twigs é mestiça, parte dela mãe espanhola e pai jamaicano e, quando o relacionamento com Pattinson veio à tona, ela recebeu um monte de abuso on-line bruto de seus fãs. “Estou realmente chocada e enojada com a quantidade de racismo que foi infectando meu [Twitter] conta a última semana”, ela tweetou em setembro.
Twigs me diz: “Obviamente eu sei que se você está colocando-se lá fora, dizendo:” Hey! Ouça a minha música! “, Com fotos de si mesmo nas revistas, então as pessoas vão julgá-lo. “Eu odeio a música dela. Eu odeio o cabelo dela. Eu odeio ela produção. Eu odeio seus vídeos ‘Bom:. Não me importo. Essa é a grande coisa sobre a arte, não é para todos. Mas quando se trata de racismo, realmente? Neste dia e idade? Escolha isso? “
Pattinson tem se juntou a ela nestes estágios iniciais de sua turnê pelos Estados Unidos, um gesto doce que tem, infelizmente, lançou um jogo sombrio de gato e rato ao redor da cidade, a dupla arrastou por toda parte por uma escola de paparazzi. Havia fotografias especialmente incômodas tomadas na noite anterior o nosso almoço, retratos de Twigs saindo de um táxi com as mãos dadas com Pattinson e a outro tentando proteger o rosto dos flashes. Eu digo-lhe o quão desconfortável as imagens eram de se olhar, ela planície de aflição. Ela não quer ir para a especificidades da sua vida romântica (que será, depois de dois meses de comentário gossip-page?), Mas ela diz algo bastante agradável sobre os compromissos exigidos para este novo relacionamento. Eu acho que vale a pena citar na íntegra.
“Esse lado da minha vida [os paparazzi] nada a ver comigo. Isso é, como … Esse é o … lado da vida do homem que eu amo. E … quando isso começou a acontecer eu tive que … Porque isso é o oposto do que eu sou como pessoa, e foi estranho … Então eu tive que sentar e ter uma conversa comigo e eu tinha a dizer: isso é algo realmente horrível. Não, não é horrível, eu não encontrá-lo é horrível, é algo que é muito desafiador. Eu olho desconfortável porque estou desconfortável. Mas, então, ele é, essa pessoa na minha vida vale a pena? E ele é, sem dúvida. Você sabe o que eu quero dizer? Em comparação com o quanto estou feliz. E como eu me sinto com ele. É 100% vale a pena. Isso faz sentido? “
Ele faz.
“Bom”, diz ela. Nós comemos a nossa comida na moda.

 

Fonte | Tradução: Bárbara Juliany

Diz pra gente o que você achou!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.