Com o lançamento de The Childhood Of A Leader no Reino Unido, o diretor Brady Corbet têm concedido muitas entrevistas e desta vez para o Eye For Film, Brady falou sobre Robert e de futuros projetos juntos. Confira alguns trechos da entrevista transcrita:

[…]

Considerando que ele (Brady) sente muito sobre a cultura dos fãs, é irônico que ele tenha contratado Pattinson para fazer parte do filme, já que o ator tem construído ardentes seguidores por anos desde os filmes de Crepúsculo, com um grande número de fãs-sites dedicados ao trabalho dele a até a abreviação amigável usada na internet Rpatz. Corbet disse que ele estava interessado em usar algumas expectativas em sua vantagem.
“É muito bizarro,” disse Corbet “ Tem duas coisas. Primeiramente, eu não sou muito conectado com a ideia do Rob como uma celebridade, porque eu conheço ele há muito tempo e eu não descobri ele desse jeito. Outra coisa que eu pensei é que seria muito, muito interessante ter um tipo de Janet Leigh em Psicose, onde você tem uma pessoa que é uma figura pública e as pessoa estão de olho nele, ele é interessante, ele é carismático, ele é atraente, ele é bonito. E eu pensei, que isso realmente iria dar um peso nos primeiros 20 minutos do filme. Então eu contratei ele por todas essas razões. Eu contratei ele porque o papel foi escrito para um homem jovem que é um pouco mais jovem que o personagem feminino, bonito e inglês, então eu pensei nele.”
“Qualquer pessoa que já passou algum tempo com o cara vai saber que ele trabalha duro e que ele nunca reclama. Eu estava conversando com os irmãos Safdie, que estão dirigindo um novo filme com ele [Good Time], e o Josh disse ‘Cara, nós estavamos gravando 19 horas por dia e ele não reclamou nenhuma vez.’ Eles estavam simplesmente maravilhados com a ética de trabalho dele e eu também. Eu acho que ele e eu vamos trabalhar juntos por um bom tempo.”
Corbet ainda não tem certeza se Pattinson vai participar do seu próximo filme Vox Luz ainda. “É um elenco grande e é uma peça conjunta e eu ainda tenho que descobrir qual idade todos vão ter em relação aos outros,” ele disse, mas a estrela britânica está trabalhando com a esposa e colaboradora do Corbet, Mona Fastvold, no seu próximo filme The Bleaching Yard.
“É um drama de época,” disse Corbet “A origem do material vem do famoso autor Norueguês chamado Tarjei Vesaas e ela se passa em uma comunidade baleeira nos anos 40, o que não está no livro. É realmente ótimo. Nós estamos fazendo isso com Chris Cohen que também produziu The Childhood of a Leader e os produtores dela de The Sleepwalker. Essa é a primeira vez como família que nós fizemos dois  projetos separados” 
Fonte – Tradução: Holly Pattz

Diz pra gente o que você achou!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.