analise de How to Be + possíveis novidades da trilha sonora de Eclipse

Sobre a trilha sonora de Eclipse, a cantora Florence Welch da banda Florence e The Machine têm insinuado que ela poderia contribuir para a trilha sonora do próximo filme de Crepúsculo.

Tradução: Sheila Andrade

Welch admitiu que ela poderia estar seguindo os passos de nomes como Muse e Thom Yorke, no entanto qualquer envolvimento com a sequência do segundo filme, Lua Nova, não foi assinado.

“Eu faria [uma canção para] a trilha sonora,” disse a cantora, “[mas] nada está confirmado ainda…”

Na verdade, nós gostaríamos mesmo é de ver/ouvir Robert Pattinson na trilha sonora, não?

Robert é um sucesso por muitos motivos. Mas talvez nem todos saibam sobre todos os papeis já interpretados por ele. Abaixo você pode ler uma analise realmente muito boa sobre o filme How to Be (Uma Vida Sem Regras) e sobre o seu personagem – Art.

Pattinson interpreta Art, um cara de vinte e poucos anos passando por uma crise de quarenta. Quando sua namorada o chuta e ele volta a morar com os pais, ele não tem nada além de suas músicas e seu trabalho no supermercado local. O problema é, ele não é bom em nenhum dos dois.

Leia aqui o artigo completo.

4 comentários em “analise de How to Be + possíveis novidades da trilha sonora de Eclipse

  1. Adorei essa crítica do filme How to be, também gostei bastante do filme, das músicas, Rob está ótimo interpretando Art!!

  2. É dificil saber o que as pessoas querem. How to be foi criticado severamentee, agora o filme é bom e o Rob cover do James Dean é que não é.Se continuar assim e o cara der ouvido a cada crítico vai acabar enlouquecendo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Posts Relacionados

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.

De volta ao topo