Em 23 de Maio de 2008 o Robert Pattinson Brasil entrava no ar. São anos de muito amor, dedicação, felicidade, amizades e muita, muita história pra contar!

O RPBR em seu formato atual conta com a junção de outros fansites – Pattinson Brasil e Robert Pattinson Fans -, e muita gente já fez parte da equipe destes sites e deixaram sua marca. Aqui estão depoimentos de algumas pessoas que nos ajudaram a escrever essa história de sucesso, fazendo tudo isso ser possivel e também o agradecimento sincero à todos que nos ajudaram e levaram até vocês, visitantes, tudo sobre a vida de carreira de Robert Pattinson.

Robert Pattinson Brasil

Ana Paula

Minha história com o Robert Pattinson começou em novembro de 2008, quando uma amiga minha da internet, comentou comigo sobre um filme quer seria lançado no mês seguinte, que contava a história de uma adolescente que se apaixonava por um vampiro que tinha sede pelo seu sangue. Ela me disse, que o ator que seria o vampiro, era o Robert Pattinson, que tinha feito Cedrico Diggory em Harry Potter e o Cálice de Fogo. Eu tinha visto o filme, e tinha achado o cara bonitinho, mas até então, nada demais. Em Dezembro, Crepúsculo foi lançado nos cinemas e eu fui assistir pra ver se era tudo aquilo mesmo, e saí de lá APAIXONADA pela história e pelos personagens. Em especial Edward Cullen, é claro.

Foi através daí, que eu conheci melhor o Robert e me interessei em saber um pouco mais sobre aquele ator lindo, que arrancou vários suspiros meus no cinema. Então eu comecei a procurar sites o Robert na internet, e encontrei o Robert Pattinson Brasil, que na época era cinza escuro com azul, e o Pattinson Brasil que era verde com cinza. Passei a visitar os dois, mas um tempo depois o RPBR saiu do ar, e eu não conseguia mais acessá-lo, então eu passei a acessar somente o PBR. De tanto acessar, eu resolvi me inscrever pra vaga de designer que estava aberta, já que eu sabia mexer com alguns editores de imagens. Enviei alguns exemplos de wallpapers e avatares, e fui selecionada pra fazer parte da equipe. Acho que não cheguei a ficar nem 1 por lá, e nesse meio tempo, o RPBR voltou.

Então, eu passei a visitar mais o RPBR, e me interessei em conhecer também a equipe de lá. Comecei a trocar e-mails com as meninas, e depois de um tempo passei a enviar as notícias pra Mandy e Nanna que eram as donas na época, pra Bruna Mendes e pra Ari que eram newsposters. Às vezes elas estavam on line e postavam na hora, mas na maioria das vezes elas não estavam, e eu ficava com os links sem ter o que fazer. Então eu pensei, porque não me inscrever pra postar neste site? Posso ser útil né? Aí eu conversei com a Mandy e com a Nanna e disse que gostaria muito de ajudá-las na postagem de notícias do site, mas que eu já tinha feito parte do PBR e disse o motivo pelo qual eu tinha saído e tudo mais… Elas disseram que tudo bem, e que inclusive era pros 2 sites serem 1 só, mas por alguns motivos, elas decidiram separá-los.

Comecei postando as notícias, depois fui fazendo mais coisas, como galeria de fotos, fórum, novos layouts, novas páginas, até que fui promovida à webby, que é a função de administradora do site. Várias pessoas foram entrando no site pra ajudar e o site foi crescendo cada vez mais. Depois de um tempo, a Mandy e a Nanna tiveram que abrir mão do site por alguns motivos pessoais delas, e eu fiquei sozinha na função. Graças à minha dedicada equipe que me ajudou a segurar as pontas, o site continuou em frente, e não parava de crescer.

Um dia, a Viviane, que era dona do Twilight Team, me procurou pra dizer que as donas do Pattinson Brasil, que há um tempo atrás tinham se juntado com o Robert Pattinson Fans, haviam lhe dado o site pra ela cuidar, porque por razões pessoais, elas mesmas não podiam mais fazê-lo. Então ela me propôs da gente juntar os sites, e fazermos dele um grande portal e eu topei, é claro. De início, a ideia era manter os dois sites com conteúdos diferentes, mas depois pensamos melhor e chegamos a conclusão que seria melhor juntar o conteúdo dos dois sites num só. Então nós pegamos algumas coisas que restaram do site Pattinson Brasil/Robert Pattinson Fans e adicionamos ao Robert Pattinson Brasil. E aqui estamos nós, 3 sites em 1 só hahaha.

Posso dizer que estar no RPBR desde dezembro de 2008 é uma experiência extremamente maravilhosa pra mim! Costumo dizer que a equipe deste site é como se fosse minha segunda família. Aqui eu conheci pessoas incríveis! Tive o prazer de conhecer algumas delas pessoalmente (Milla, Deia, Luma, Desi e Aline), e isso foi lindo demais! Eu não tenho palavras pra agradecer a cada uma das minhas staffs que cuidam com tanto carinho do RPBR. Eu gostaria de agradecê-las e muuuuito, por tudo que vocês fizeram e fazem pelo site e nunca esqueçam o quanto vocês são queridas por mim! Nem sempre dá tempo de conversar com tudo mundo, pela correria do dia-a-dia, mas eu tenho a total consciência de que sem cada uma de vocês, o RPBR não seria nada, então fica aqui o meu MUITO OBRIGADO à TODAS vocês, minhas lindas

Gostaria de fazer alguns agradecimentos especiais a algumas pessoas: Primeiramente a Cine, a Carol e a todo o pessoal do Pattinson Brasil que me deixaram fazer parte da equipe deles, mesmo que por pouco tempo, pois foi lá que eu me ‘introduzi’ neste ‘mundo de sites’ que eu tanto amo, gostaria de agradecer também à Mandy e a Nanna por terem me dado a chance de entrar no RPBR logo depois, e finalmente à Camilla por ter me aturado 17 dias na casa dela em 2010 (até invadir o guarda-roupa dela eu invadi com as minhas roupas), brincadeira, foi só pra descontrair. Falando sério agora, queria agradecê-la do fundo do meu coração por estar à frente disso tudo comigo, desde o começo praticamente, pois mesmo quando ela não era webby, ela já me ajudava bastante, mas principalmente por me dar forças em momentos de fraqueza, por me incentivar quando me falta motivação e por sempre me ajudar, compreender, ouvir e aconselhar todas as vezes que eu precisei. Saiba que você pode contar comigo sempre Milla! Queria que você soubesse que eu sou eternamente grata por tudo que você fez e faz não só pelo site, mas por mim também, e acima de tudo, por me dar o privilégio de ser sua amiga.

Várias pessoas já passaram pela equipe, e algumas delas já tem quase 3 anos de site, e infelizmente, algumas outras tiveram que sair. Mas como eu costumo dizer, tem horas que você precisa abrir mão de uma coisa pra conquistar outra, e cuidar de um site, não é tão fácil como parece. Requer tempo e dedicação, e as vezes, por causa dos estudos, do trabalho e da vida em si, a gente não consegue mais fazer isso direito, e eu entendo de coração, cada uma delas que um dia tiveram que deixar o site, para seguirem com suas vidas. Algumas delas fazem muita falta, e são lembradas com muito carinho por mim até hoje…

Sei que um dia vai chegar a minha hora de deixar o site, porque nada é para sempre né? Mas uma coisa é certa, enquanto eu estiver aqui, darei o meu melhor pra mantê-lo em pé, firme e forte. Já passamos por várias barras, e juntas, conseguimos passar por todas elas… Posso afirmar com todas as letras, que o RPBR e o Robert Pattinson estarão pra sempre no meu coração e na minha memória, pois graças à eles, eu pude conhecer pessoas incríveis que eu vou levar pra sempre e pude aprender coisas que me serão úteis para a vida toda.

Espero de coração poder comemorar muitos e muitos outros aniversários junto à minha equipe e junto à vocês, nossos queridos visitantes. Só tenho que agradecer à vocês que nos visitam todos os dias e nos incentivam a continuar a crescer cada vez mais…

Obrigado por tudo!

Camilla

Estou na equipe desde Março de 2009, o que fazia pouco menos de um ano da existência do site. Eu sempre fui apaixonada por edição de imagens e fazia curso de web naquela época, então pensei “porque não?”. Lembro de ter enviado minha ficha de inscrição para o Pattinson Brasil que, na época, era o único com vagas para mídias abertas… Mas, por algum motivo meu e-mail voltou e minha ficha nunca foi enviada. Uma amiga minha entrou para a equipe do PattzBr na mesma ocasião e me disse que gostou muito, o que me levou a tentar o Robert Pattinson Brasil. O problema era: não haviam vagas abertas no site. Ok, eu não ia deixar isso me impedir, então mandei um e-mail para a administradora (Nanna) com algumas artes minhas e ela adorou, me chamando para integrar a equipe.

Acontece que, quem está de fora não tem ideia de como um fansite funciona. Você pode imaginar, mas cada um tem um jeitinho e eu fui pega de surpresa por tudo que havia no RPBR.

Nos primeiros dias lembro-me da Ana Paula vir me pedir imagens, como uma header, e eu ficar “que raios é uma header?”. Pois é, a mais pura verdade! Eu entrei nisso tudo na cara e na coragem e aprendi tudo na raça. Descobri o que era header, me disponibilizei a aprender a postar (que era um grande problema por conta da quantidade de conteúdo e falta de staffs), aprendi a upar na galeria (morrendo de medo de fazer besteira!)… Hoje sou administradora do site e sei fazer absolutamente tudo aqui dentro.

É engraçado quando você faz parte disso tudo tão a fundo. Eu passei a viver mais “online” e fui criando laços aqui mais fortes do que poderia imaginar. Criei problemas pessoais por causa disso, ouvi de amigos que eu só queria saber de site, e blá blá blá. É muito complicado você se doar tanto porque te afeta demais. Quantas foram as noites mal dormidas por problemas no servidor? Cobertura de eventos, traduções, criações de layout…?

Não é tudo flores e na maior parte você só se segura por causa das pessoas. Pra ser honesta, há também o lado do reconhecimento que é um fator muito importante. Você aprende a lidar com um lado profissional, fora o ganho com cada elogio, a oportunidade de organizar eventos, entrevistas e mídia que você consegue por seu trabalho. Mas as pessoas… eu nunca vou esquecer da cada staff que doou um pouquinho do seu tempo para construir tudo que temos hoje.

Desde que entrei meu amor por isso só aumenta cada vez mais e eu não posso deixar de ser grata ao Robert Pattinson por isso tudo. O que eu sinto pelo Robert, pelo RPBR é completamente diferente e muito difícil de ser explicado, mas acho que gratidão é um bom começo. Aqui eu descobri o que eu gosto e quero pra minha vida, conheci as melhores pessoas, tive grandes oportunidades (e espero ainda ter muitas).

Ana Paula – hoje é uma das minhas melhores amigas – me deu toda sua paciência e carinho me ensinando cada coisinha (eu amo você, bebê s2). Nanna, que me deu a grande chance de fazer parte disso tudo (eu espero que você esteja orgulhosa de como estamos levando!). Mandy que foi parte essencial disso tudo. Não querendo desmerecer ninguém, mas eu tenho que deixar um agradecimento especial e um “eu amo você” para: Karen, Tati, Pri, Aline, Junior… Ao pessoal que ainda está comigo nessa: Déia, Marina, Desirée, Sheila, Bruna Mendes (a mais antiga no site!), Alê, Iana, Denise, Josi, Roberta, Juh, Bruna, Iule, Monique, Romina. E minhas mais novas bebês: Zah, Carol e Isis.

Gostaria também de aproveitar e agradecer as pessoas que indiretamente conheci através do site. Aos visitantes… Por cada comentário, cada barraco criado (que me deu muita dor de cabeça, mas faz parte da diversão), cada elogio e criticas. Muito obrigada por tudo!

Mandy

Como todos sabem, o Robert Pattinson Brasil comemora seus 4 anos no ar dia 23 de maio. Olho pra trás e me surpreendo como 4 anos passaram tão rápido! Parece que foi ontem que eu decidi fundar o primeiro site do Robert em português e abri um fórum no orkut para encontrar pessoas que quisessem me ajudar a levar esse projeto adiante. Comecei a acompanhar o trabalho do Robert depois de “Harry Potter e o Cálice de Fogo” e, na verdade, sempre admirei os sites em inglês sobre ele, ás vezes se passava pela minha cabeça criar meu próprio site e cheguei a participar ativamente em una sessão sobre o Robert no extinto “Expresso de Hogwarts”, um site nacional sobre a saga, mas naquela época (2005) o Robert não tinha tantos fãs no Brasil. O certo é que desde o começo do RPBR, contei com a ajuda de uma pessoa tremendamente importante para que o site pudesse “sair do papel” e ganhar forma: a Nanna. Me lembro que passávamos horas e horas no msn e no telefone planejando o que faríamos, solucionando problemas (principalmente com códigos, programação e etc… porque nós duas não tínhamos o menor conhecimento dessas coisas! e logo no comecinho do site, tivemos mais de um momento desesperador HAHA) e tentando fazer do RPBR um lugar interessante para que fãs antigos e cada vez mais fãs novos (que surgiam á cada dia, devido á Twilight) pudessem interagir e acompanhar a carreira do Robert sem ter que ler as notícias em inglês.

A verdade é que demorei um pouco em estar completamente satisfeita com o andamento do site, e em vários momentos pensei em desistir, porque a verdade é que é bastante complicado você começar um site sobre uma pessoa que cada vez ficava mais famosa, sem ter qualquer experiência com sites… sem contar com pessoas na equipe que já soubessem o que fazer em distintos âmbitos, e eu e a Nanna tivemos que construir tudo praticamente sozinhas, quebrando a cabeça pra que as coisas saíssem como a gente queria. Acho importante mencionar, principalmente, o apoio que tivemos da Gabi e da Luma, as ex-donas do Twilight Brasil, da Ariela que foi de grande ajuda pra mim e Nanna, algumas pessoas do Twilight Team, entre outras. Chegou um momento em que necessitei deixar de me dedicar ao site, vim morar fora do Brasil, começar uma vida diferente…e, infelizmente, tive que decidir dar prioridade a outras coisas na minha vida, e a mesma coisa aconteceu com a Nanna, só que posteriormente. A verdade é que o site é tudo o que é hoje graças á Ana Paula, sem dúvida alguma…não sei se, se não fosse por ela, o Robert Pattinson Brasil existiria até hoje, mas o certo é que não me arrependo de ter deixado o site nas mãos dela quando não pude mais cuidar dele, porque hoje vejo que o deixei em boas mãos 🙂

Eu continuo admiradora do trabalho do Robert, mas a verdade é que aquele amor louco de fã diminuiu bastante, por coisas inevitáveis da vida, eu acho, e também porque fui ficando cansada de tanto histerismo pelo personagem do Edward…fui notando certas mudanças no Robert que não me agradaram, mas, por outro lado, fico feliz que ele tenha alcançado o reconhecimento que merece. Ás vezes visito o site por curiosidade e pra ler notícias, também, mas a escassez de tempo não me permite ter mais assiduidade nesse sentido…não conheço quase ninguém da equipe do site hoje em dia, mas posso perceber que fazem um trabalho incrível.

E é isso, esse é um resume da história do Robert Pattinson Brasil desde suas origens. Espero que o site ganhe cada vez mais visitantes e eu, como una das fundadoras, me sinto obviamente orgulhosa pelo o que ele é hoje.

Nanna

Oi gente, eu sou a Nanna, uma das fundadoras do RPBR e vou contar pra voces um pouquinho de como tudo começou e como esse site mudou minha vida =D

Então, há alguns anos começou aquela febre de Twilight e quando anunciaram o Robert pra ser o Edward, eu fiquei muuuuuuito feliz, eu já conhecia o trabalho dele e resolvi procurar mais coisa, só que não tinha nada. Na época eu entrei em algumas comunidades do orkut (sim, orkut) e comecei a conversar com algumas pessoas e conheci a Mandy, que queria fazer um site do Robert e eu gostei muito da ideia, entrei em contato com ela e a gente resolveu abrir o Robert Pattinson Brasil. Eu não sabia absolutamente NADA sobre sites, então pra mim foi uma loucura!

E naquela época a Carol e a Cine tavam pra abrir o Pattinson Brasil, a gente tentou se unir, mas acabou não dando certo e foi uma confusão só. Vou confessar que nesse período rolaram umas brigas e virou meio que competição pra ver quem entrava no ar primeiro, loucura só. Mas isso passou, o RPBR entrou no ar e eu ainda lembro de várias conversas com a Mandy em que a gente surtava porque o site tava com 100 visitas, e hoje eu vejo que já passou dos 10 milhões e isso me dá um orgulho muito grande!

A gente começou a chamar mais gente pra fazer parte do site, e a Ari e a Bruna foram as primeiras a fazer parte da staff. A Bruna continua até hoje e a Ari saiu há algum tempo já.

Nesse ano minha vida mudou e MUITO! Em outubro teve evento de lançamento do Lua Nova, a Intrínseca apoiou a gente e eu acabei de juntando com a Luana, que na época trabalhava no Twilight Team (que não existe mais), eu fiz vestibular e no final do ano entrou a Ana Paula pro site, que agora é a dona do RPBR. Graças a Ana Paula o site foi ficando mais bonito, a gente conseguiu crescer cada vez mais. Começamos a fazer podcast, nossa galeria aumentou bastante e ficou super organizada, o fã-clube também ficou mais organizado. A gente correu atrás de muita coisa e conseguimos entrevista com o Justin Kelly (produtor de How To Be) e o Sam Bradley. Os hotsites dos filmes começaram a surgir, o canal de vídeos legendados, os layouts novos cada vez mais bonitos, o site cada vez mais completo.

Claro que tudo isso levou tempo, eu vejo que hoje, 4 anos depois, o site continua a crescer muito e toda vez que eu tenho um tempinho e paro pra dar uma olhada, lembro de tudo o que a gente passou pra colocar ele no ar e sinto muito orgulho de ver o que ele se tornou hoje.

Minha vida mudou bastante por causa do site e do Robert, e com certeza foi pra melhor! Espero que mude a vida de muita gente também. Como as meninas sempre falavam “O que o Robert uniu, ninguém separa”.

Pattinson Brasil

Carol

Não seremos hipócritas de fingir que sempre fomos fãs do Robert, mesmo antes das gravações de Crepúsculo. Não éramos. Tudo começou, de fato, com o nosso amor à saga de Stephenie Meyer e nosso site – recém lançado, na época – Twilight Team. Antes mesmo do primeiro livro ser trazido ao Brasil, nós já éramos viciadas na história e ficávamos imaginando como seriam os personagens ou quais seriam os atores a interpretá-los. Ao ser anunciado que Robert Pattinson seria o ator que daria vida ao Edward, foi a maior decepção da vida. Ele não tinha NADA de Edward! Toda a equipe do site ficou comentando e confabulando no que a produção do filme estaria fazendo com aquele elenco, até que surge a primeira foto promocional da família Cullen.

A reação não poderia ter sido pior: nem os próprios fãs do Pattinson na época aprovaram sua entrada neste filme. O fato era que ele desagradava a maioria dos fãs de Crepúsculo, o que é engraçado de se pensar hoje em dia.

Nunca esqueceremos o que nos fez mudar de ideia, aliás, o momento que nos fez mudar de ideia. Já estávamos mais acostumadas com ele com o passar dos dias de gravações e das fotos que iam sendo divulgadas pelos fãs que iam ao set de filmagens, mas foi tudo graças a essa foto aqui, o álbum todo, claro, mas essa foto em particular foi o momento em que pensamos: “MEU DEUS DO CÉU, ELE É MESMO O EDWARD.”

A conversa no chat do msn foi automática:
Carol: Cine, vamos fazer um site do Robert? *-*
Cine: Vamoooooooos!
Nina: Vamooooos!
Duda: Vamooos!

Sim, sabemos o quanto isso soa poser, mas não podemos negar as origens de tudo, certo? haha A questão é que fazer o Pattinson Brasil nos fez conhecer muito mais da carreira – e vida, porque não? – do Robert, e ficou impossível não amar de verdade esse homem. É fácil tentar divulgar o que a gente ama e acredita. É fácil trabalhar com aquilo que gosta! E como gostamos!

Durante os anos que o Pattinson Brasil ficou no ar nós conseguimos muitas conquistas, entrevistas bacanas, notícias em primeira mão, etc. Fizemos amizades que vão ficar pra vida toda, nos divertimos muito, tivemos uma equipe que esteve em constante atualização, mas sempre tiveram aquelas staffs que eram essenciais para o site funcionar tão bem (Duda, Clara, Lu, Vicky, Nath, Line, beijo suas lindas!). Infelizmente ao mesmo tempo em que o sucesso do Robert crescia a cada dia, nossa equipe também acabou ficando sem tempo para o site por ter outras prioridades e foi aí que, conversando com a Marcela – na época ela era dona do Robert Pattinson Fans que estava recém começando – tivemos a ideia de juntar os sites. Apesar da junção ter durado pouco tempo, foi maravilhosa para ambos os sites, porque é mais válido um site bom do que dois meia boca, não é verdade?

Enfim chegou o dia em que a Cine decidiu que, infelizmente, não tínhamos como continuar com o site, porque por mais que amássemos (e ainda amamos!) dedicar nosso tempo extra a ele, nós não tínhamos mais o tempo necessário que uma pessoa realmente precisa para se dedicar a um site tão grande. Já conhecendo a Ana da época do Twilight Team, não achamos nada mais justo do que perguntar se ela não queria também tomar conta do Pattinson Brasil /Robert Pattinson Fans e transformar os três maiores sites do Rob no Brasil em um único!

Lembro que na época muita gente – inclusive algumas staffs do PattzBr – torceram o nariz para essa ideia, porque muitos fãs tem aquela impressão de que fansites diferentes sobre um mesmo artista são rivais, e as equipes não se dão bem. Certo, isso realmente acontece com alguns sites, mas são esses mesmos sites que não conseguem durar nem dois anos por aí. Eu tenho muito orgulho de dizer que desde o dia que tivemos a ideia do Pattinson Brasil, já contávamos com o apoio da Mandy e Nanna (que, para quem não sabe, iriam fazer o site com a gente, mas como tínhamos muitas ideias diferentes, resolvemos fazer dois sites que seriam parceiros), e depois que a Ana ficou encarregada do site, isso nunca mudou. Por isso que ela (Ana), sempre super querida e prestativa, topou na hora, e eu acho que nós não podíamos ter tomado a decisão mais certa na época, porque é realmente MUITO bom ver o RPBR ativo e muito bem atualizado depois desses 4 anos.

Só quem faz sites e dedica seu tempo a informar outros fãs, especialmente uma base de fãs tão grande e exigente com a do Rob, sabe como não é fácil manter um fansite por tanto tempo assim e com a qualidade cada vez melhor. Então aqui fica no nosso parabéns aos 4 anos do RPBR, e nosso eterno agradecimento à equipe do site por ter cuidado tão bem do Pattinson Brasil quando não pudemos mais, e fazer um ótimo trabalho de divulgação do nosso ator favorito no Brasil!

Eu já participei de alguns sites na minha vida – fansites e profissionais – e nada seria a mesma coisa se não tivesse feito parte do Pattinson Brasil. Comecei essa ‘vida’ de sites com o Twilight Team, mas era diferente por lá, porque ele não era meu! Eu não o administrava, não gerenciava, não tomava decisões. O PattzBr foi o primeiro que eu criei, cuidei, promovi desde o começo. Vejo/via esse site como um filhinho mesmo! Sempre me importei e me preocupei demais com ele, em todos os sentidos: conteúdo, equipe, divulgação, imagem, tudo! Foi uma fase da minha vida em que pude, inclusive, colocar em prática o que estudei na faculdade (sou formada em jornalismo), pois é isso que fazemos em fansite, mas com um direcionamento em um assunto/artista só. E se hoje trabalho como analista de mídias sociais/assessora de imprensa/jornalista com website da minha empresa é tudo por causa do Pattinson Brasil.

Participei de muitos eventos (no RJ e em Natal, onde moro), fiz bons contatos que mantenho até hoje, mas o mais importante de tudo: amigas ou pessoas inesquecíveis! Algumas eu não tenho mais tanto contato hoje quanto tinha na época, que é a Naline, a Nina, a Luh (que de vez em quando falo via Twitter) e a Mandy (do RPBR, minha Baddy queriiiiiiiida!) Mas outras duas eu destaco aqui o quanto amo e agradeço por fazerem parte da minha vida: Francine Ferreira e Giovanna Zago! A Cine é uma das pessoas que mais falo desde o site, e que é uma das melhores amigas que tenho! Amo amo amo! Ela me ensinou muito sobre ‘fazer’ fansite – até hoje ensina – e é uma das melhores ‘coisas’ que o Robert me trouxe. A Gi é outra que se tornou super especial e que amo muuito também! Queria também destacar a Alê, que é uma jornalista bem querida e que ajudou muito na época do site, e até hoje tenho o prazer de ter contato, pois é uma pessoa boa e atenciosa, que eu admiro muito. Além do Justin Kelly, é claro! Todas AMA o Justin!

Foi uma tristeza ter que deixar esse site, pois foram tantos momentos de risadas, seja fazendo cobertura de eventos, seja gravando podcasts ou até mesmo comentando notícias no grupo do site. Também tiveram as briguinhas por coisa besta, mas nada que predominasse (e até disso eu sinto falta haha). Quantas vezes eu já deixei amigos da ‘vida real’ furiosos por ter que faltar alguma balada para ficar em casa fazendo cobertura de premieres e awards. rs

Infelizmente a falta de tempo faz isso com a gente! =/ Ainda o sinto um pouco parte de mim, principalmente pelo twitter que ainda está aí (e que eu criei! *chora*), mas fechá-lo simplesmente não seria uma opção, e fico feliz que ao menos ele esteja em boas mãos com o pessoal do RPBR.

Cuidem sempre bem dele, meninas! rs Tenho um apego a esse site tão grande que parece um amigo de longa data!

Cine

Então, eu posso dizer que o que a Carol falou sobre a experiência com o PattzBR foi praticamente a mesma minha. Eu já tive MUITOS fansites nessa vida e ainda tenho alguns, mas o Pattinson Brasil foi o primeiro grande site que a responsabilidade estava completamente nas nossas mãos. Os dois anos e qualquer coisa que o site ficou no ar foram cheios de alegreias, estresses, noites mal dormidas, muitas ideias e muita amizade.

Acho que todas as meninas que fazem parte do RPBR hoje em dia vão concordar quando eu digo que não importa o tanto de trabalho que a gente tenha com um fansite, se for de algo que a gente realmente gosta e seja feito ao lado de amigas e pessoas que levam esse “trabalho” a sério, cada noite mal dormida pra traduzir notícias e entrevistas, trocar versões do site, traduzir vídeos, etc, vale muito a pena.

Como eu já disse no início, eu já tive MUITOS fansite, mas nenhum foi tão triste de ter que “deixar para trás” quanto o Pattinson Brasil. Mas hoje em dia eu vejo que a decisão que eu tomei ao colocar o site sob a responsabilidade da Ana e do resto da equipe do RPBR não poderia estar mais correta na época.

É bom que vocês continuem com nosso “bebê” por muitos anos, meninas, porque é realmente difícil hoje em dia achar um fansite tão bom quanto o Robert Pattinson Brasil e que tenha uma equipe tão dedicada.

Robert Pattinson Fans

Daniella

Até hoje eu me pergunto como consegui chegar tão longe com o RPFans. Provavelmente quase todas as meninas devem ter dito em seus depoimentos sobre como é difícil administrar um fansite, como ocupa grande parte do seu tempo, etc. Porém, quando eu tive a idéia de criar o Robert Pattinson Fans, eu não sabia o que era isso até sentir na própria pele. Não conhecia a carreira o Robert até assistir Crepúsculo, e não tenho vergonha de dizer isso, depois dei uma volta no tempo para conhecer seus outros trabalhos e me encantei, de ínicio acompanhei a carreira dele pelo próprio Pattinson Brasil, só mais tarde que conheci o RPBR, e depois passei a segui-lo apenas pelos sites estrangeiros, principalmente o Rob Pattinson Life.

Se me recordo bem (não lembro), comecei a projetar o site em 2008, mas só foi ao ar em 2009, sou péssima com datas. Queria ter algo meu, e sempre fui fascinada por webdesign, na época foi uma boa oportunidade de melhorar meu inglês devido às traduções, de estar sempre em contato com a web e de acompanhar a carreira do Rob, uni tudo e surgiu o RPFans. Juntei com minha amiga Caroline Rocha e abrimos, sozinhas com a cara e a coragem, acredito que se ela não tivesse aceitado eu não teria feito. Mas tarde surgiu a necessidade de pessoas na equipe. Foram muitas pessoas, mas tenho algumas em mente, e se lembro dessas em especial é porque com certeza me marcaram. Marcela Gelinski, entrou como newsposter e em poucas semanas a confiei o cargo de Co-pilot haha, uma das minhas melhores amigas, tive o prazer de conhecê-la pessoalmente e posso com toda certeza dizer que sem ela o site não teria chegado onde chegou. Carolina Sacchi, maravilhosa, lembro até hoje dos chats que tínhamos diariamente, e em vez de discutirmos o melhor pro site ficávamos falando mal da Kristen e rindo até chorar (não me levem a mal, toda fã de Rob já odiou a Kristen alguma vez na vida). Mariana Lemos, sem a Mary o RPFans nunca teria tido um canal digno no youtube e vídeos legendados, nunca vi uma pessoa legendar o vídeo tão rápido, aprendi muito com ela, foi de uma ajuda muito grande. Por fim, Hayanne Porto, a Anne é uma pessoa muito simpática, de um coração enorme, acho que nunca vi ninguém tão empolgada com um site que nem era dela, não me lembro quantas vezes conversei com ela sobre fechar o site e ela me convenceu do contrário. São pessoas que com certeza fizeram do RPFans tudo que ele era e o sucesso que se tornou. Devo tudo isso, principalmente a todo mundo que visitava, que elogiava, que favoritava e que estava sempre ali pra nos dar suporte e força pra continuar. Unimos o RPFans com o Pattinson Brasil numa tentativa de criar algo de maior qualidade para os fãs, e acredito que o objetivo foi alcançado, de alguma maneira, mesmo que por pouco tempo.

Eu fechei o RPFans no momento em que me juntei com o Pattinson Brasil. E como a maioria das meninas, a minha vida pessoal me impediu de continuar com o novo projeto. É muito difícil continuar com algo quando apenas 1 ou 2 pessoas querem o mesmo que você. Hoje eu tenho 21 anos, faço o 4º Semestre de Arquitetura e Urbanismo e posso dizer que não me arrependo de nada que eu fiz, pois aprendi muito com todas as dificuldades que passei naqueles anos. Não tenho tempo pra mais nada, então fansite nunca mais hahaha porém, tenho a absoluta certeza de que fiz a escolha certa em não deletar todos os meus anos de noite sem dormir e sim doar para as meninas do RPBR que tem feito um ótimo trabalho mantendo os fãs informados. Me pediram pra falar se ainda acompanho a vida do Rob, sim, mas estaria mentindo se disse que acompanho como antes, digamos que agora eu acompanho de maneira saudável, sei de seus projetos apenas, nada de sua vida pessoal, e não sei data de estréia de nada, por isso dou uma passadinha de vez em quando no RPBR pra ver o dia que tenho que dar uma passada no cinema. E um conselho a vocês que querem ter fansite alguma dia, NÃO tenha! Hahahahahaha

Um grande abraço a todos que vistaram o RPFans, Pattinson Brasil e a todos que visitam o RPBR. Happy Birthday para o nosso Robert Pattinson, que tem se mostrado um profissional sério, de cárater, possuidor de princípios. E com certeza essa é uma das maiores qualidades dele, autenticidade.

Grande Beijo
Daniella – Admin. do Robert Pattinson Fans

Marcela

Meio difícil falar sobre o tempo que eu fiquei no site. Sinto falta até hoje de tudo que passei lá, as correrias, os problemas, as premieres, as coberturas de eventos. Acho que ninguém imagina o quanto é trabalhoso manter um site. Mas o quanto é prazeroso também.

Comecei no site RPFans, com a ajuda da Dani, que me deu uma vaga de newsposter. Logo a gente começou a dividir a administração e começamos a aumentar o site. Com as dificuldades de manutenção, principalmente para achar pessoas que queiram fazer parte da equipe, a gente resolveu unir ao site Pattinson Brasil, que também tava precisando de apoio. Juntas com Cine, começamos a desenvolver o site, melhorar layout, atualizar galeria.

Passei dois anos nesse meio, entre os dois sites. É um trabalho diário que pode ser dito de quase jornalismo. A gente tá sempre buscando notícias, traduzindo, vendo novidades. Isso foi fundamental para a melhoria do meu inglês, pois eu estava diariamente em contato com texto enormes que precisavam de tradução. Aprendi muito também com programas e ferramentas que regulam o site.

Além disso, eu podia estar sempre em contato com Rob, que é minha paixão. Aliás, pra manter o site, não é preciso apenas esforço. É preciso muito amor. Amor pelo ator, amor pelo site, amor pelo que tá fazendo. É algo que requer responsabilidade mesmo, mas que dá muita alegria.

Hoje em dia eu não estou com nenhum site específico, mas continuo acompanhando o trabalho de Rob no próprio RPBR. Acho que é onde eu confio que vou encontrar tudo que quero.

Outra coisa importante que ficou da época que eu fazia parte do site foram as amizades. Tenho uma amizade especial com Dani e estamos sempre em contato. Por morarmos na mesma cidade, isso ajudou muito. Continuo em contato também com Anne Porto, que teve uma participação breve, mas significativa. Carol Sacchi também, que chegou a fazer parte da administração do site por um momento e sempre nos fez rir muito.

Com certeza posso afirmar que tenho as MELHORES lembranças possíveis e uma saudade eterna.
Beijão

Marcela – Admin. do Robert Pattinson Fans