“O começo do fim para ‘Crepúsculo'”, é o que traz como destaque o site brasileiro de entretenimento do MSN. O artigo postado fala sobre o filme que estreia amanhã nos cinemas brasileiros e mundiais, ‘Amanhecer Parte I’, além de trazer uma entrevista com Robert Pattinson, Kristen Stewart e Bill Condon, o diretor.

LOS ANGELES – A saga finalmente termina. Depois de Crepúsculo, Lua Nova e Eclipse, não só a franchising (ou ‘série’, como Robert Pattinson gosta de chamar) chega a seu Amanhecer como também os adolescentes mais sedutores dos últimos anos chegam a seu despertar para a vida adulta.

[…]

ROBERT PATTINSON, ATOR

Como se sente com o amor incondicional dos fãs?
Não é incondicional. Os fãs decidem do que gostam. Se falho em dar o que querem, não gostam mais. São essas as condições.

Preocupa-se em mantê-las?
Sim, mas só nas coisas óbvias. Muitos me perguntam se é difícil lidar com os fãs, mas os fãs são fáceis. Há tanta gente que não gosta de mim só porque sou famoso. Quando dizem ‘gosto de você’, tudo que tenho a dizer é: Legal!

Quer fazer algo prático com a fama?
Muitas coisas. Mas quero mesmo é fazer algo com educação. Nos EUA e no Reino Unido, onde cresci. Algo como o Teachers for America, que estimula jovens professores apaixonados por ensinar. Educar é revolucionário.

Como foi filmar no Brasil?
Foi incrível! Nunca tinha ido à América do Sul e foi como imaginava. Vibrante! Só filmamos no Rio por um dia. Havia uma energia louca. Tão louca quanto o esquema de segurança. Foi uma experiência intensa. E depois, quando a gente foi para Paraty, um dos lugares mais lindos em que já estive, foi o oposto. Eu quero ficar na casa em que a gente filmou. É maravilhosa. Quero voltar e ficar na mesma casa.

Leia o artigo e as demais entrevistas clicando aqui.