Romain Gavras, diretor que trabalhou com Rob no comercial da Dior, falou com a Vogue Hommes International sobre toda a campanha para a nova fragrância da conceituada marca francesa e também sobre nosso querido ídolo. À seguir você pode ver os scans juntamente com a tradução das partes em que Robert é citado.


x Scans > Internacionais > 2013 > Setembro 2013 – Vogue Hommes International

Por que o comercial foi feito em preto e branco?
Robert Pattinson tem uma imagem tão icônica do vampiro de Crepúsculo terrivelmente pálido, um personagem “dark” vivendo em um mundo cheio de cor. Ao filmarmos em preto e branco e cortar o cabelo dele mais curto do que o habitual, nos produzimos um efeito moderno e ainda mais atemporal.

Como você se aproximou de Robert Pattinson? Você já o conhecia?
Não, ele veio até mim. Ele é amigo de Harmony Korine, que também é meu amigo. Antes de conhecê-lo, você imagina todos os tipos de coisas associadas com grandes estrelas, que ele coleciona espadas ou anda por aí nu em casa, mas na verdade, ele é muito profissional, muito pé no chão e muito normal. Ele é da nova geração de estrelas, que se tornou famoso do dia para a noite por causa de um papel em uma franquia, e está ciente de que tem dois ou três anos antes de se posicionar como um ator genuíno com um talento real. Eu realmente não percebi antes de ir para o set com ele exatamente o que significava ser o tipo de estrela que cria um tumulto toda vez que ele vai a algum lugar. Haviam paparazzis no topo dos edifícios próximos e tivemos que cobrir as janelas para que pudéssemos trabalhar em paz.

Fonte | Via | Tradução: Ana Paula