Desde pequeno Robert Pattinson teve contato com musica, talvez porque sua irmã, Lizzy, tem um grande talento e é cantora e compositora.

Robert começou a tocar piano (seu instrumento favorito) muito novo, com cerca de 4 anos de idade, e também demonstrou interesse em aprender violão clássico, o que passou a tomar grande parte de seu tempo livre.

Rob também acompanhou o sucesso de sua irmã Lizzy Pattinson que entrou para uma banda e viu suas musicas serem sucesso no Reino Unido. No entanto, Robert nunca pensou neste sucesso para si mesmo, já que sempre viu a musica mais como um hobby.

Com seus novos projetos como ator e modelo Robert deixou a musica um pouco de lado, se fixando em seus trabalhos. Foi então que seu amigo e também musico Sam Bradley, o incentivou a voltar a tocar.

Apesar de nunca ter sido um rei no violão Robert acabou entrando para uma banda, chamada Bad Girls, aonde via, nas horas vagas, uma ótima oportunidade passar o tempo. A banda, composta em sua maioria por amigos do ator, passou então a tocar em vários bares londrinos. Bad Girls tinha até MySpace! E acredite Robert também, mas como sempre foi muito paranoico usava um pseudônimo: Bobby Dupea (inspirado no personagem de Jack Nicholson do filme ‘Cada Um Vive Como Quer’).

Entre suas preferências musicais esta o blues, e uma das bandas preferidas do ator são Kings of Leons e Van Morison.

Robert acabou por conseguir conciliar sua carreira musical e cinematografia. Algumas de suas musicas entraram para trilha sonora dos filmes que participou além de que, durante os bastidores de alguns filmes, Rob sempre aproveita para tocar e cantar.

Um fato bem legal é que em algumas cenas dos filmes “Crepúsculo” e “Uma Vida Sem Regras” o ator mostrou seu talento como musico às telas, já que seus personagens, Edward Cullen e Art, também possuem um lado musico. No primeiro filme da Saga, podemos ouvir duas musicas do ator e em “Amanhecer Parte II”, Robert aparece ao piano.

Em 2010, o ator participou do Songs From a Room, uma série exclusiva de shows ‘surpresa’ que acontece em salas pela cidade de Londres. O especial contou com a performance improvisada de Robert Pattinson cantando “It’s All On You” (clique aqui, ouça e acompanhe a tradução da letra) em um show secreto numa sala de estar. Este é um dos eventos da “Sofarsounds” que apresenta novos artistas e dá aos novos músicos uma chance para serem ouvido em um ambiente íntimo.

Atualmente Rob já não toca e nem canta como antes, porque, com tamanha atenção da mídia ao seu redor e o assédio de seus fãs fica difícil para ele fazer disto apenas um hobby. E até mesmo por falta de tempo, já que a agenda do galã vive lotada. Mas ele não abandona sua música! Robert é sempre flagrado por ai com seu inseparável violão e aproveita o intervalo entre gravações e divulgações e o tempo que passa em seu hotel para tocar um pouco.

Em 2014, foi revelado que Robert teria feito uma participação na música “Birds” da banda Death Grips. A música foi lançada em agosto de 2013 e nela podemos escutar alguns solos de guitarra que é Robert tocando. A informação da participação de Robert foi no CD da banda, onde lê-se que ele fez os solos de guitarra na música. Antes, Robert foi visto com Zach Hill e MC Ride, integrantes da banda, em 2013 no show da cantora Beyoncé!

 

Conteúdo retirado de paginas na internet, porém, traduzidos e adaptados pela equipe do site Robert Pattinson Brasil.
Não reproduza sem os devidos créditos.