”Eu comecei a vender jornal quando tinha uns 10 anos. Eu comecei ganhando £10 por semana e depois eu fiquei obcecado em ganhar dinheiro até completar 15 anos.”

”Eu fui expulso da minha escola quando tinha 12 anos – eu era muito mau”

”Ontem eu estava apenas sentado na Leicester Square, feliz sendo ignorado por todos. De repente estranhos estão gritando meu nome. Surpreendente!”

”Alguém pediu meu autógrafo outro dia, o que foi muito legal. Mas, eu não sei. Eu espero que a Pottermania não me faça não sair de casa, porque eu quase não saio de casa!”

”Agora estou determinado a fazer coisas realmente estranhas mas eu acho que eu faço demais nas audições e ninguém realmente acredita em mim!”

”Algumas vezes eu penso ‘pro inferno com a atuação’ e depois eu percebo que poderia estar trabalhando numa loja de sapatos. Atuar é muito mais legal.”

”Escola de teatro era uma coisa social. Eu literalmente ia lá 100% para conhecer aquelas garotas sentadas na mesa ao lado.”

”Essa é a pior coisa, eu não me importo se as pessoas dizem que sou mau ator, eu consigo lidar com isso, mas se eles dizem que sou feio é apenas como, ‘oh…mesmo?’

”Meu pai queria que eu fosse um ator.”

”Meus 12 anos foram uma virada na minha vida, eu fui para uma escola mista e eu me tornei legal e descobri o gel para cabelos.”

”É impossível odiar o Cedrico. Ele é competitivo mas também é um bom garoto.”

”Eu usei fan sites enquanto interpretava Cedrico, porque eles sabem muito sobre os livros, e são uma ótima ajuda.”

”Eu espero não parecer com o meu personagem. Eu odeio ele. Eu costumava odiar todo mundo como o Cedrico na minha escola.”

”Eu li o quarto livro de Harry Potter apenas antes da minha audição. E eu li em um dia, ou algo assim. Isso mudou minha opinião sobre todas as séries.”

”Eu acho que o baile de inverno é mais atrativo para as garotas. Eu nunca pensei ‘Oh, eu tenho que ir ao baile!’

“Desculpe a minha aparência. Você me pegou num dia de morte”, ele disse para um visitante no set.

”Eu acho que o Dan (Daniel Radcliffe) poderia roubar a namorada de qualquer um. Se eu fosse uma garota, sairia com o Dan.”

”Eu escolhi as roupas mais ridículas e extravagantes – elas pareciam tão bonitas na loja. E então eu coloquei elas e pensei: você parece um idiota”

”Eu acho que tenho essa coisa com dragões. É muito estranho.”

”Alguém roubou os cadarços do meu sapato uma vez. Eu ainda os uso e nunca coloco cadarços neles. Eles são tipo a minha marca registrada de sapatos agora!”

”Eu toco piano a minha vida inteira – desde que eu tinha 3 ou 4 anos. E a guitarra – eu costumava tocar violão quando eu tinha uns 12 anos. Então eu parei de tocar por alguns anos. Mais ou menos 5 anos atrás eu peguei minha guitarra/violão e comecei a tocar blues e coisas assim. Eu não sou muito bom na guitarra/violão, mas eu estou bem. Estou em uma banda em Londres também.”

”Eu gostava de Sharkey e George e depois teve um cartoon com o rapper MC Hammer – Hammertine – Eu amava aquele cartoon, era ótimo! Eles não fazem mais cartoons como esse.”

”Eu ainda não decidi ser um ator! Eu comecei fazendo peças quando tinha uns 15 ou 16 anos. Eu apenas fiz isso porque meu pai viu algumas garotas bonitas em um restaurante e perguntou a elas de onde vinham e elas disseram do grupo de teatro. Ele disse: ‘Filho, é lá que você tem que ir.’”

”Eu não sabia que tinha pé grande. É tamanho 44/45. Mas eu sou bem alto (1,85)? Mais uma coisa para colocar na minha lista de ‘Coisas inadequadas’ ? ou super adequado”

”O Americano é legal, mas eu realmente nunca fui um grande fã de sotaques. Sempre que eu tento imitar um sotaque de certa forma acaba parecendo um sotaque Jamaicano-Russo híbrido.”

”Eu estava tendo pesadelos sobre (a premiere) meses antes”

”No começo, eu entrava nos blogs e lia coisas como ‘Todos, menos ele!’ e aí eu mal queria sair de casa. Mas agora, acho que as pessoas já aceitaram um pouco mais”, Robert falando sobre sua escolha para interpretar Edward Cullen.

“Eu realmente odeio vaginas. Sou alérgico a vagina. Mas eu não posso dizer que eu não tinha ideia, porque era uma sessão de 12 horas, para obter a imagem e saber que essas mulheres vão ficar nua depois, em cinco ou seis horas. Mas eu não estava exatamente preparado. Eu não tinha ideia do que dizer a estas meninas. Graças a Deus eu estava de ressaca”, diz o ator sobre seu ensaio para a revista Details.

“Sabia que elefantes ronronam? É completamente assustador se você não sabe o que é. Eles ronronam como gatos, mas as cabeças deles são tão profundas que soam como velociraptores. Você sente-o no chão sob seus pés. E então, essa grande fêmea começou a cheirar o meu pé – uma grande elefante fêmea, é o que é. Ela cheira tão forte que o pavimento saiu como se a sua tromba fosse um aspirador de pó. Então ela tomou meu corpo inteiro em sua boca. Eu estava me segurando em sua cabeça, e enquanto eu a deixa ir lentamente, ela me apertou bem apertado até que eu fiquei de cabeça para baixo na boca dela e ela está passando por meus bolsos com a sua tromba, procurando por balas de menta. Foi o melhor dia da minha vida. ”

Algumas vezes eu penso ‘pro inferno com a atuação’ e depois eu percebo que poderia estar trabalhando numa loja de sapatos. Atuar é muito mais legal.”

“Escola de teatro era uma coisa social. Eu literalmente ia lá 100% para conhecer aquelas garotas sentadas na mesa ao lado.”

“Eu acho que tenho essa coisa com dragões. É muito estranho.”

“Eu ainda não decidi ser um ator! Eu comecei fazendo peças quando tinha uns 15 ou 16 anos. Eu apenas fiz isso porque meu pai viu algumas garotas bonitas em um restaurante e perguntou a elas de onde vinham e elas disseram do grupo de teatro. Ele disse: ‘Filho, é lá que você tem que ir.’”

“Eu comecei a vender jornal quando tinha uns 10 anos. Eu comecei ganhando £10 por semana e depois eu fiquei obcecado em ganhar dinheiro até completar 15 anos.”

“Eu escolhi as roupas mais ridículas e extravagantes – elas pareciam tão bonitas na loja. E então eu coloquei elas e pensei: você parece um idiota”

“Eu gostava de Sharkey e George e depois teve um cartoon com o rapper MC Hammer – Hammertine – Eu amava aquele cartoon, era ótimo! Eles não fazem mais cartoons como esse.”

“Eu li o quarto livro de Harry Potter apenas antes da minha audição. E eu li em um dia, ou algo assim. Isso mudou minha opinião sobre todas as séries.”

“Eu não gosto do meu nome, e nem de nenhuma referência á ele. Eu gostaria que inventassem um apelido pra mim do tipo Spunk Ransom, ou Ransom Spunk.”

“Eu não sabia que tinha pé grande. É tamanho 44/45. Mas eu sou bem alto (1,85)? Mais uma coisa para colocar na minha lista de ‘Coisas inadequadas’ ? ou super adequado”

“Eu toco piano a minha vida inteira – desde que eu tinha 3 ou 4 anos. E a guitarra – eu costumava tocar violão quando eu tinha uns 12 anos. Então eu parei de tocar por alguns anos. Mais ou menos 5 anos atrás eu peguei meu violão e comecei a tocar blues e coisas assim. Eu não sou muito bom no violão, mas eu estou bem. Estou em uma banda em Londres também.”

“Quando o Academy Awards nos disse da primeira vez sobre meu [convite para apresentar um premiação], eu fiquei, tipo, ‘Não, não, não. Você só pode estar brincando!’ [Pensei] que teria que fazer algo realmente estúpido, tipo, que atirassem uma meleca (ou gosma) em mim! Meus 12 anos foram uma virada na minha vida, eu fui para uma escola mista e eu me tornei legal e descobri o gel para cabelos.”

“Quando eu ainda tinha 17, sei lá, 20, eu tinha essa intensa confiança infundada. Essa ideia clara de mim mesmo e como eu alcançaria o sucesso, o que envolvia tomar decisões. Eu me via atendendo o telefone e dizendo ‘Claro que não’ ou ‘Definitivamente sim. ‘ Tendo controle. Exceto que você tem que descobrir se a maneira que você pensa quando tem 19 ou 20 tem algum valor. E eu entendi com todo aquele controle, que provavelmente foi ilusória, eu não estava progredindo. Então agora eu estou abandonando um pouco. Eu estarei um pouco mais pelado. Essa noite não, porque está frio pra porra e as minhas bolas iriam encolher.”

“Eu como demais, Eu sou como um comedor compulsivo. Eu comi pelo serviço de quarto, e eu estou sempre preocupado com isso, então eu escolho umas seis coisas do menu e como tudo.”

“É fascinante. Você ter 2 ou 3 minutos para afetar alguém. Fazer com que eles te escutem. Passar a mensagem e talvez isso ecoará. Eu bem gostei de fazer as conferências do primeiro Twilight, porque tem uma similaridade. Mas depois de um tempo, eu deixei isso de lado. Se você quer que as pessoas te escutem, É melhor ter algo a dizer. Eu senti a responsabilidade de ser fascinante. Você está barganhando com o público. Isso é o suficiente pra eles? E isso afeta a maneira de olhar a arte.”

“Acho que você precisa ser capaz de romper o que você pensa sobre si, mesmo para tentar fazer qualquer tipo de arte. Eu costumava fazer música o tempo todo, e a parte mais surpreendente foi a liberdade que veio com eu mesmo me dando um chute na bunda, largando isso, e me surpreendendo.”

“Não, não! Deus, não! É só que tem nudez em todo o lugar agora. Mas esse ensaio, é meio nudez dos anos 80, sabe? Se você olhar a pornografia, tipo, na década de oitenta, havia uma espécie de curiosidade sobre o assunto, muito doce, como uma pequena comunidade de nudez. As pessoas que faziam isso gostavam, tinham respeito por ela. Nem remotamente parecido com a pornografia que está disponível agora. Nenhuma comunidade nisso de jeito nenhum. É simplesmente tudo em todo lugar.”

“Eu sou uma pessoa de sorte. Graças a Deus. E eu sou conflituoso. Graças a Deus.”

“Sim. Tão bonito que você não pode imaginar. E o bebê elefante estava tão animado que ele correu para fora e fez a sua rotina em cinco segundos e em seguida, fez reverência a todos. Foi realmente muito engraçado. Brilhante. Sabia que eles também podem fazer imitações de outros animais? Um cavalo, uma galinha, um macaco – estes elefantes podiam, de qualquer maneira. Eles eram elefantes de filme. Um tinha escrito um roteiro, e um realmente queria dirigir”
 

 

Conteúdo retirado de paginas na internet, porém, traduzidos e adaptados pela equipe do site Robert Pattinson Brasil.
Não reproduza sem os devidos créditos.