Robert Pattinson pode até estar entre os primeiros a admitir que o seu papel no filme não é exatamente um personagens de performances premiadas, contudo, a estrela britânica da saga Crepúsculo parece estar deixando tudo isso encaminhado.

Ele não fez segredo do fato de querer desejar atuar em filmes sérios, e já deu passos trilhando nesse caminho, como o personagem no filme de David Cronnenberg, “Cosmópolis”– um drama psicológico baseado no livro de Don DeLilo. O escândalo envolvendo Robert Pattinson e a atriz Kristen Stewart em 2012 acabou ofuscando o reconhecimento pelo seu papel, apesar de que ele já estava pronto para atuar no filme australiano do diretor David Michod, o “The Rover”, cujas filmagens têm duração de 7 semanas, no sul da Austrália, e que começaram em 29 de janeiro desse ano.

Produzido pelas produtoras “Porchlight Films” e pela “Lava Bear Films”, “The Rover”, tem o roteiro escrito por “David Michod” que foi desenvolvido ao lado de “Joel Edgerton”, de “A hora mais escura”. O set de filmagens é no deserto australiano: um homem chamado Eric (Guy Pearce) tem suas últimas posses roubadas por uma gangue de criminosos em desespero. Eric então se engaja em uma missão para buscar esses bandidos, contando com a ajuda do personagem de Robert, o Reynolds, que era um membro nativo da gangue, mas que se sentiu prejudicado pelo bando ao terem deixado ele durante um caos do último roubo que fizeram. Tem muita coisa nesse filme para nos deixar ansiosos. A grande produção de estreia do diretor Michod foi o “Reino Animal”, que foi ovacionada pela crítica e aclamado pelo público.

Com um enervante conjunto crime-drama no cenário empoeirado do sul australiano, o filme ganhou vários prêmios e levou a atriz Jacki Weaver à uma indicação ao Oscar de melhor atriz coadjuvante.

Nós sabemos muito bem do que podemos esperar do Guy Pearce, o que faz com que acabemos de deixar Pattinson um pouco de lado. – será que o galã de “Crepúsculo” estaria pareado a atuar nesse longa dramático?

Robert Pattinson teve o auge de sua carreira com as suas atuações em “Cosmópolis” e na “Saga Crepúsculo”. Nos acreditamos que o filme “The Rover” parece ser um intermédio entre os filmes “Reino Animal” e “O assassinato de Jesse James pelo covarde Robert Ford”; e os produtores Lizz Wattgs e David Linde insinuam uma cinematografia semelhante ao realizar um comunicado à ComingSoon.net, “O ecossistema do sul do deserto australiano pode até ser difícil de trabalhar, particularmente para aqueles que vêm do inverno do hemisfério norte, mas tanto o elenco como a equipe técnica se engajaram nas filmagens. Nós estamos com certeza filmando em uma das regiões mais longínquas e maravilhosas do planeta, e todos estão muito agraciados com o elenco excepcional e equipe extraordinária.

O direito de exibição do filme em caráter internacional foi adquirido pela “FilmNation”, ao lado de distribuidoras de filme renomadas, líderes de mercado. O gerenciador da “Roadshow Films”, o diretor Joel Pearlman, acrescenta ainda que “Este é um projeto incrivelmente excitante, que todos estão muito ansiosos em trabalhar com a Liz, David e todo o time.” Parece que tudo está muito bem encaminhado para o trabalho do Rob em “The Rover” ser um sucesso- será que ele será indicado a grandes nomeações no ano que vem?. Ele atingiu o ápice de suas atuações e habilidades em “Cosmópolis”, e não há razão para que o Rob não esteja recebendo trabalhos atualmente ocupados por nomes como, por exemplo, Shia LaBeouf. Obviamente os tabloides não se cansarão de postar coisas como “Robert Pattinson e Kristen Stewart casados” , “Robert Pattinson e Kristen Stewart noivos”,etc… Mas vamos esperar que o resultado desse trabalho venha à tona.

Robert está sempre buscando por uma carreira séria em Hollywood; ele também já assinou contrato para o filme de James Marsh (filmes como: “Projeto Nim”, ou “O Equilibrista”), o “Hold On To Me”, um filme eletrizante sobre uma mulher (Carey Muligan) que sempre se aproveita de um homem infeliz e elabora um plano para ganhar dinheiro.

Fonte | Tradução: Carol Almeida