Em uma nova entrevista para a Box Office, Robert responde o porquê de Water For Elephants ter sido um filme tão óbvio de escolha, sobre os animais do longa, o que ele sentiu ao participar de um filme de época americano e ainda se o circo teve alguma participação em sua infância. Acompanhe logo abaixo!

Você é incrivelmente ocupado. O que tem em “Water for Elephants” que o fez decidir que seria o próximo filme que você iria fazer?

“Quando conheci Francis, nós fomos ao santuário do elefante onde a elefanta Tai vivia. Fui com ele muito, muito bem no carro. Nós achamos nesse lugar, conhecemos o elefante e ele mostrou todos os truques que iríamos fazer no filme – foi um dia incrível e só o fato de estar envolvido com elefantes foi um fator importante. Adoro a idéia de trabalhar em um set tão pacífico porque só de estar em volta deles é acalmador. Leia mais…