Robert Pattinson foi entrevistado pelo jornal Le Figaro durante sua passagem pelo Festival de Cannes que encerra hoje e finalmente saberemos se Cosmópolis sairá da disputa pelo Palma de Ouro. Nessa entrevista, o ator comenta como se sentiu ao saber que o longa metragem estava na lista e de seu papel como Eric Parcker. A seguir confira os scans e a tradução do mesmo:

002 x Scans > Variadas > 2012 > Pequenas Notas Internacionais

Le Figaro: Como é a sensação de estar em Cannes?
Rob: É uma loucura. Eu estava na exibição de On the Road uma noite antes de ontem. Foi intenso. Em cada cena, eu me sentia aterrorizado, encantado, cativado. On the Road e Cosmópolis são do tipo semelhantes de certa forma, eles falam sobre uma viagem. São filmes de estrada. De certa forma, eles falam sobre a mesma coisa, a liberdade, essa tentativa desesperada de olhar de algo diferente do que a triste realidade diária.

LF: Você e Kristen Stewart, ambos os atores da saga Crepúsculo, estão em competição em Cannes. É um jogo, uma coincidência ou um desafio?
Rob: Eu não penso nisso como um desafio. Eu admito que ele é realmente estranho. Esse ano termina Crepúsculo, Kristen e eu acabamos em Cannes … Para mim, Cannes é a competição mais importante do mundo. Quando eu era criança, antes mesmo de eu saber que queria ser ator, alugava DVDs com o logotipo da Palme sobre ele para impressionar os meus amigos. Meu objetivo secreto era um dia ser convidado para o Festival. Eu pensei que poderia acontecer em 10 anos e aconteceu agora! Acho que o telefonema que recebi quando me disseram que Cosmopolis havia sido selecionado para a competição foi um dos momentos mais felizes da minha vida. Continue lendo …