A foto abaixo inclui 2 dos 3 itens que Rob levou com ele durante uma pausa no set de “Water for Elephants”. Seus três itens são: um maço de cigarros, a Coca-Cola Zero, e um livro.

Confira abaixo a sinopse do livro “My Friend the Mercenary”.

Em um bar na África Ocidental, o repórter de guerra britânico James Brabazon viu-se informado sobre os planos militares secretos para derrubar o governo da Guiné Equatorial por um dos mais famosos mercenários da África – o seu amigo Nick du Toit. A trama bizantina, a execução de sua farsa e suas consequências trágicas levou Simon Mann e uma série de célebres matadores de aluguel a serem vítima de seus próprios planos avarentos, maquiavélicos e cruéis planejando cruzamentos duplos. 

Em uma reviravolta do destino, James Brabazon permaneceu livre. Seu amigo mercenário não teve tanta sorte.Nick du Toit foi condenado a cumprir trinta e quatro anos na prisão de Black Beach, o preso mais famoso da África – uma sentença que James poderia ter cumprido ao lado dele.Sua amizade improvável começou dois anos antes, nos campos de batalha sangrenta da guerra civil na Libéria.Com Nick como seu guarda-costas, James foi o único jornalista de cinema por trás das linhas rebeldes.Se estabeleceu como um cineasta corajoso e talentoso, e a guerra levou os limites físicos e morais de James ao limite – e abriu uma porta para um mundo perigoso de mercenários, espiões e mudança de regime violenta. MY FRIEND THE MERCENARY relata a viagem corajosa de James na guerra da Libéria, e conta a história dentro da tentativa de golpes mais famosos dos últimos tempos.Através desta narrativa emocionante, James Brabazon explode o mito do mercenário moderno, e pinta um retrato em movimento á uma amizade extraordinária.É um livro brutalmente honesto sobre o que é preciso para ser um jornalista, amigo e sobrevivente no campo moralmente corrosivo de guerra.

Créditos: Spunk Ranson
Tradução: Bárbara Miranda