David Cronenberg e Robert Pattinson estão dando o que falar. Como se não bastasse tudo sobre o polêmico “Cosmópolis”, o próprio Cronenberg confirmou que Pattinson está em um outro se seus projetos: um filme chamado “Map To The Stars”.

Em entrevista, Cronenberg disse que o roteiro do filme foi escrito pelo seu amigo, o roteirista de Los Angeles, Bruce Wagner (A Hora do Pesadelo 3).

Robert Pattinson mostrou interesse e disse à David que fará o filme. Viggo Mortensen, mundialmente conhecido pelo seu papel na trilogia “O Senhor dos Anéis”, também se mostrou interessado em um papel no filme. Mortensen participou dos três filmes anteriores de Cronenberg: “Marcas da Violência”, “Senhores do Crime” e “Um Método Perigoso”, e os dois são considerados parceiros criativos.

“Map to the Stars” mistura de drama e humor negro, ambientado nos bastidores de Hollywood. É uma comédia dramática sobre dois atores mirins que têm sua vida arruinada pelos excessos da indústria do cinema, e de acordo com o diretor é “muito intenso” e tem uma “emoção estranha”. Especula-se que o filme envolve incesto entre irmãos.

“Não é obviamente um filme muito comercial, e mesmo como independente é difícil. Map to the Stars é completamente diferente de Cosmópolis, mas é muito mordaz e satírico, é difícil de vender”, disse David Croneneberg.

O roteiro já foi escrito há mais de 5 anos mas pela polêmica que envolve a trama não foi possível realizá-lo. Cronenberg ainda não tem certeza se é realmente possível fazê-lo mesmo com atores muito credíveis que trazem muita atenção como Viggo Mortensen e Robert Pattinson.

Outra novidade é que este deve ser o primeiro longa do diretor a ser filmado nos Estados Unidos, já que em seus trabalhos anteriores foram todos filmados no Canadá, até mesmo quando as histórias se passam nos EUA. “Map to the Stars é um história de Los Angeles e eu realmente sinto que eu não posso recriar isso em um set em Toronto. Eu nunca filmei nos Estados Unidos. Então, eu realmente gostaria de filmar em Los Angeles, pelo menos parte do filme, mas mais uma vez, tem os problemas de orçamento… Eu não sei se conseguirei fazer, mas eu gostaria”, disse.

Fontes: MoviesCop, The Playlist | Tradução e Adaptação: Milla Correa