A noticia de que o nome de Robert Pattinson foi atrelado a um novo projeto surgiu na noite de ontem e já ganhou destaque em várias mídias. Leia abaixo alguns detalhes sobre a produção “Lost City of Z”.

O Screendaily relatou que Robert e Benedict Cumberbatch vão estrelar ‘The Lost City of Z’.

Panaroma Media reviveu a história de aventura The Lost City of Z e irá financiar e vender. James Gray dirigirá Benedict Cumberbatch e Robert Pattinson na produção do Plan B.

Segundo a Variety, o filme será filmado no verão de 2014

Panorama, liderada pelos veteranos da indústria Marc Butan e Kim Fox, chegou ao AFM com “Pride and Prejudice and Zombies”, “The Zookeeper’s Wife” de Jessica Chastain e “Lost City of Z” de James Gray, estrelado por Robert Pattinson e Benedict Cumberbatch.

(…)

A Fox disse que a evolução das plataformas digitais não ganhou a um ritmo rápido o suficiente para compensar o declínio em DVD. “Zookeeper’s Wife” será filmado no próximo ano e as vendas antecipadas foram feitas em 90% dos mercados mundiais e “Lost City of Z” neste verão. E Panorama vai começar as vendas no suspense de John Hillcoat, “999”.

The Wrap também confirmou a notícia:

O aclamado livro de David Grann serve como base para o filme, que Brad Pitt está produzindo sob sua bandeira Plano B.

Robert Pattinson vai se juntar a Benedict Cumberbatch em “The Lost City of Z” de James Gray, uma pessoa familiarizada com o projeto de longa data disse ao TheWrap.

Brad Pitt foi inicialmente selecionado para estrelar a adaptação do aclamado livro de David Grann, porém agora ele está somente produzindo o filme através de sua bandeira, Plano B, juntamente com Dede Gardner, Jeremy Kleiner e Anthony Katagas.

“Lost City of Z” segue Percy Fawcett, um colonial britânico que desapareceu em 1920 enquanto procurava uma mítica cidade na floresta amazônica do Brasil que ele acreditava que ter descobrido em uma expedição anterior.

O papel de Pattinson ainda não está definido no momento.

Panorama Media financiará “Lost City of Z” e lidar com vendas externas.

Via | Tradução: Milla Correa