Robert fala sobre masculinidade, luxo, e seu estilo pessoal em entrevista para Wienerin Magazine (Áustria) na divulgação da campanha Dior Homme.


x Inicio > Scans > Internacionais > 2013 > Setembro 2013 – Wienerin (Austria)

“Finalmente, todos nós crescemos”.

“Durante anos eu estive no topo por causa dos filmes da saga Crepúsculo.  Agora, se você fizer uma pausa de dois anos, há 50 outros atores que poderiam me substituir no filme”.

“Luxo significa não ter que se preocupar com nada”.

“Masculinidade tradicional não funciona mais”.

Ele não é uma presa fácil.

Como você se sente sendo o novo rosto da fragrância Dior ?

Quando a Dior me fez a oferta eu fiquei chocado. Dior… o nome por si só é um mito. A oferta veio assim que Crepúsculo acabou, exatamente no momento certo. Eles despertaram o meu interesse.

Então, você era uma presa fácil ?

Fácil ? Não! (risos) No passado, fazer um comercial não teria apelo para mim, porque eu não podia imaginar que um ator de verdade fizesse algo do tipo. Mas, enquanto isso, eu vinha fazendo alguns filmes e crescendo como ator. Quando sentei juntos com o diretor da Dior para fazer um brainstorming, fiquei fascinado pelo conceito artístico. De repente pensei “O que fazemos aqui não é um mero comercial”. A partir deste momento eu fiquei muito entusiasmado. Então, quando você olha para ele dessa maneira, a campanha da Dior foi um desafio para mim. Aquele que adicionou um lado emocionante para o meu trabalho.

O homem Dior significa luxo e elegância natural. O que esses atributos significam para você, pessoalmente?

A primeira coisa que me vem à mente, é a ausência de esforço implícito. Eu acho que o verdadeiro luxo significa não ter que se preocupar com nada. Quando eu filmei o comercial da Dior, eu realmente me senti assim.

Como o novo rosto da Dior Homme, você deveria falar como os homens da sua idade . Como você descreveria a sua geração?

Eu tenho 27 anos e acabei de perceber que ninguém está me tratando mais como uma criança. É uma sensação estranha, de repente, me sinto como um adulto, alguém que é percebido por quem estava ao seu redor de uma forma diferente do que era antes. É difícil identificar onde a minha geração é semelhante. Para a maioria das pessoas da minha idade, os últimos dez anos têm sido – assim como para mim – um período de transição, e muitos ainda tentam encontrar as respostas para os mistérios mais básicos da vida. Pelo menos eu faço isso (sorri) .

O que masculinidade significa para você?

Masculinidade tradicional não funciona mais no mundo moderno de hoje. É um momento estranho para os caras. Bem, provavelmente também é um momento estranho para as meninas (risos). Masculinidade, para mim, sempre significou ser confiável e relativamente pragmático. Mas isso também significa tantas coisas ambíguas. Como ator, muitas vezes você tem que expressar certas ambiguidades em um personagem. Você é confiável e selvagem, ou amoroso e despreocupado ao mesmo tempo. Eu não sei se isso é algo que eu queira associar com masculinidade. Eu só sei que o código mudou muito nos últimos anos.

Masculinidade tradicional é, frequentemente, associada com a imagem do “Lobo Solitário” . Liberdade é algo importante para você?

Com certeza. Uma vez que você se torna uma figura pública, a sua vida pessoal fica muitas vezes limitada. Você é estereotipado e é comparado a um determinado personagem que as pessoas associam com você. Às vezes eu gostaria de fazer uma piada ou de manipular a maneira como as pessoas me veem. Eu quero ter liberdade artística, mesmo que seja só para me desafiar várias e várias vezes. Um dos meus últimos papéis, em “The Rover “, foi muito libertador. Filmamos ele na Austrália, no meio do nada. O personagem que eu interpreto não possui dentes e estava coberto de lama e sujeira da cabeça aos pés. Mas eu não me importo. Eu estava correndo seminu e fazendo coisas que você não pode fazer quando está sendo, constantemente, vigiado .

Normalmente os personagens que você interpreta são muito elegantes. Como você descreveria o seu estilo?

Eu tenho alguns princípios que utilizo no dia a dia. Quando se trata de roupas, a coisa mais importante para mim é como elas assentam. Se a roupa se encaixa bem, eu não me importo com o resto. Daí, quando isso acontece, eu vou usá-la até que ela, literalmente, se desintegre.

Você tem modelos quando se trata de moda?

Jack Nicholson. Eu sempre gostei de pessoas que acham que as roupas são uma mera necessidade. É, provavelmente, uma coisa do homem. Eu gosto de roupas que são tendências por muito tempo, de qualidade superior e que são duráveis. Eu sempre pensei que estava tudo bem ter apenas uma roupa. Uma que você possa usar em qualquer ocasião e ir em qualquer lugar.

O que Robert Pattinson realmente ama

Qual é o seu…

…Lugar para ir quando você quer relaxar?
A parte rural da Inglaterra.

…Livro favorito ?
Tudos do Martin Amis.

…Cantor favorito ?
Provavelmente Van Morrison.

Horário favorito do dia?
Depende do que eu fiz no dia anterior.

…Momento favorito do passado?
Eu, realmente, não tenho um… Mas, provavelmente, aquele que tem a ver com música.

… Animal favorito ?
Os meus dois cães.

…Palavra favorita?
Sim!

Tradução: Denise Simino