Em recente entrevista para o site Fangoria, Jay Baruchel, comenta sobre o filme Cosmopolis e de Robert Pattinson. Confira:

FANG: Você e seu bom vizinho e co-star Emily Hampshire apareceram no mais recente filme de David Cronenberg, COSMOPOLIS. Pode nos falar um pouco sobre ele e sobre trabalhar para Cronenberg?

BARUCHEL: Mais uma vez, este é um filme que eu concordei em fazer sabendo o que estaria fazendo nele.Eu estava apenas mantendo a empresa da minha noiva [Allison Pill] enquanto ela estava fazendo a sua peça.Minha maior ambição era apenas escrever terror.E tem sido depois do meu trabalho em [co-escrito] GOON.Meu parceiro de escrita [Jesse Chabot] e eu trabalhamos em algumas coisas,e atuar na frente das câmeras era a coisa mais longe que estava em minha mente este ano.Então eles disseram, “Você quer ir para Toronto e gravar dois dias no novo filme de David Cronenberg?” Eu disse,”Vou pegar esse homem em limpeza a seco.”Farei qualquer coisa para conhecê-lo.Ele é um dos meus primeiros heróis.Para um canadense que queria fazer filmes de terror pelo resto da vida,não há herói maior que ou figura mais importante do que David Cronenberg.Foi um “sim”,muito,muito fácil para mim.E aparecendo lá,uma vez que já tinha passado as borboletas no meu estômago e o nervosismo de não só apenas conhecer um dos meus heróis, mas também trabalhar com ele, levou um tempo para engolir porque eu estava confuso.Aqui estou eu,indo assistir ele fazendo seu projeto,em seu ambiente.Mas uma vez eu passei por isso,foi o trabalho mais fácil que já tive.Foi simples e divertido e animador e eu poderia me aposentar amanhã porque estou em um dos seus filmes agora. Leia mais …