Em entrevista ao Movieline, o diretor de Amanhecer PT 1 e 2, Bill Condon, falou sobre Robert Pattinson e suas curiosidades sobre o filme, assim como a cena do casamento entre Edward e Bella em comparação a Noiva de Frankenstein.

Existem algumas coisas interessantes que você fez cinema que parecem nesse ponto – uma é o uso de Noiva de Frankenstein em seu flashback de Edward. Qual foi o pensamento por trás disso?

Nós meio que assistimos Edward ter essa nuvem pesada esse tempo todo, e é referido no livro, mas na verdade saiu de uma discussão com Rob Pattinson. Ele estava colocando algo que foi descrito no livro, com apenas um par de linhas – neste período, quando ele rompeu com Carlisle e não era mais vegetariano. Ele meio que explorou caçar seres humanos. E ele só matou homens terríveis, assassinos, coisas assim, mas o ponto é que fez… ele diz: “Eu a olhei seus olhos e vi quem eu era, quando eu me tornaria um monstro“, e foi só depois este período que ele retornou para Carlisle e abraçou totalmente a sua maneira de viver. Mas ele sempre permaneceu com uma espécie de fardo pesado para ele, e isso é algo que Rob tinha vindo a desempenhar. Eu era como, “Bem Deus, você tem interpretado, mesmo sem ver isso.” Então, como um último momento antes do casamento ele faz tipo de lay out um último argumento para porque Bella pode querer repensar isso, você sabe? E que me deu uma chance para mostrar ele, nesse período – no início dos anos 30 em Chicago, e neste caso, em um cinema. E é claro que eu escolhi A Noiva de Frankenstein, como o filme que ele está assistindo. Em parte porque é um dos meus filmes favoritos, e um dos filmes de maior horror de todos os tempos. Mas também, é meio esta história, não é? [Risos] Ela é a noiva de Frankenstein!

Fonte | Tradução: Marina Rozado