Com o grande lançamento de Amanhecer PT 1 e diversos tipos de elogios e críticas a respeito, sabemos que nem todos os filmes baseados em livros ganham um material totalmente semelhante. vejamos aqui um artigo sobre o roteiro do filme comparando ao último livro e o que deveria ou não ter entrado.

Peço desculpas a David Bowie pelo título desta semana, mas não havia – como acontece com qualquer adaptação de livro para as telas – há várias diferenças entre o livro e o que foi retratado nas telas em A Saga Crepúsculo: Amanhecer Parte 1. Agora, certamente, ninguém esperava que todas as cenas fossem exatamente como está escrito em um romance para levá-lo as telas; inevitavelmente coisas precisam ser condensadas ou deixadas de fora, todas juntas. Por outro lado, às vezes não há material que nunca esteve nos livros para começar, e que vão as telas. A questão é, dado os cortes, o quão eficaz é este novo material quando os fãs se sentem muito protetores da fonte original? Continue Lendo…